Unhas de Gel

Unhas de Gel: Como são feitas, Manutenção, Cuidados e Muito Mais

Atualmente, as unhas longas e modeladas estão super em alta, graças a celebridades como Luísa Sonza, Cardi B, Kylie Jenner, Pablo Vittar, entre outras. Com isso, as técnicas de alongamento também estão evoluindo para acompanhar essa onda.

Esse tipo de técnica é tão amada, pois, deixa as unhas instantaneamente longas e resistentes, o que é bem difícil conseguir com as unhas naturais. Além disso, elas aumentam em muito a durabilidade do esmalte e das unhas decoradas.

Até pouco tempo atrás, o alongamento em gel não era muito bem-visto, devido a alguns casos polêmicos de alongamentos feitos por pessoas que não eram profissionais e acabaram ocasionando problemas.

Contudo, atualmente a técnica foi melhorada assim como os aparelhos e acessórios utilizados. Apesar disso, se você quer ter unhas de gel longas, bonitas e saudáveis, é precisa ter cuidados redobrados nas atividades do dia a dia.

Se você tem vontade de saber como elas são feitas, como é a manutenção, se é possível fazer em casa e muito mais, vem com a gente saber mais ao longo desse texto.

Como são Feitas as Unhas de Gel?

Esse tipo de alongamento é feito com o uso de um gel fino e incolor, aplicado por cima das unhas naturais e moldado conforme o gosto da (o) cliente. Essa é uma excelente alternativa para quem quer mais durabilidade para as unhas, já que elas duram por até um mês.

Primeiramente, é feita a limpeza, lixamento e remoção da oleosidade das unhas naturais. Em seguida, é aplicado um primer, para evitar a criação de espaços que possam entrar água e causar infiltração e proliferação de fungos e bactérias.

Neste ponto há duas opções: a unha de gel moldada ou com a utilização de tips, que significa “pontas”, em inglês. Elas são parecidas com as unhas postiças que já conhecemos, porém, tem uma ponta com um encaixe, para colar nas unhas naturais.

Na técnica da unha moldada, é colado um adesivo nos dedos e encaixado por baixo das unhas naturais, para servir como suporte para moldar as novas unhas. Quando a estrutura da nova unha em gel já está firme, após passar pela cabine de luz ultravioleta algumas vezes, o adesivo pode ser retirado.

Na técnica das tips, após coladas elas precisam passar pelo processo de banho de gel. Para secá-las, também é necessário utilizar a cabine de luz. O resultado é bastante natural e o processo é indolor, contudo, pode ser um pouco demorado, chegando durar entre 2 a 4 horas, dependendo da técnica de alongamento e do formato escolhido.

Entre uma camada e outra de gel, é feito um lixamento para nivelar as unhas. Depois das unhas de gel prontas, é a hora do processo que já conhecemos de cutilagem e esmaltação ou decoração.

Há também a opção de utilizar um gel com cor, que elimina a etapa da esmaltação, ou também fazer um processo de encapsulamento de glitter, ou outros, e até esmaltação em gel.

Como é feita a Manutenção?

A manutenção é feita a cada 15 ou 20 dias, dependendo do tempo do crescimento das unhas naturais e do cuidado da (o) cliente. Claro, caso aconteça algo antes, como uma infiltração ou quebra, a manutenção deve ser feita de imediato.

Neste processo, é feita a nivelação da unha natural com o gel, através do lixamento com lixa manual ou máquina própria. Em seguida, são aplicadas novas camadas de gel, que são secas na cabine de luz UV, o mesmo procedimento de quando elas são feitas.

Para finalizar, é feito o lixamento final, para definir o comprimento e o formato desejado para as unhas. Em geral, o alongamento já pode ser eliminado a partir do terceiro mês de uso, pois a unha natural já terá tamanho suficiente para receber apenas um banho de gel.

É claro, que se você deseja ter unhas enormes, pode manter o alongamento por mais tempo, até que elas atinjam o tamanho desejado. Caso alguma unha quebre neste processo, é preciso refazer a técnica desde o início naquela unha específica.

Cuidados Necessários

Para evitar quebras, infiltrações e fazer seu alongamento durar mais e ficar bonito até o dia da manutenção, é preciso ter alguns cuidados. Evite o uso de produtos químicos muito abrasivos e atrito com móveis e objetos. Cuidado redobrado ao:

  • Fechar portas e janelas;
  • Manusear a faca (sim, já cortei a ponta do meu alongamento cortando alimentos);
  • Dar a descarga — também já quebrei minha unha assim;
  • Abrir coisas — suas unhas não são abridor de latas! Apesar de serem fortes, é muito arriscado usar as unhas para esse tipo de coisa.

Qual a diferença entre as técnicas de alongamento de unhas?

Essa é uma pergunta bastante frequente. A grande diferença entre as técnicas utilizadas para fazer o alongamento de unhas é o material utilizado. Conheça a seguir, os principais tipos de extensão de unhas:

  • Fibra de vidro: são vários filamentos de vidro, fixados na unha natural utilizando um gel específico para extensão. O processo garante unhas fortes e com acabamento super natural.
  • Gel: o gel utilizado é um produto viscoso, aplicado com a ajuda de pincéis específicos para fazer o processo de modelagem das unhas. Primeiramente, é usado um gel base para fixar a extensão e criar a estrutura da unha. Em seguida, é a vez do gel de construção, aplicado por cima para modelar a unha.

    A cada camada de gel, é preciso colocar as unhas na cabine de lâmpadas UV ou LED, para que o gel seque e fique rígido. Após o lixamento, é aplicada uma camada de gel finalizador (conhecido como top coat), que tem a função de selar tudo e garantir um resultado mais natural, resistente e com brilho.

  • Acrílico ou porcelana: nesta opção, é utilizada uma mistura de pó acrílico e líquido acrílico (também chamado de monomer). Essa mistura é feita no próprio pincel, formando uma massinha que é aplicada sobre a unha e a extensão.

    Diferente dos outros, esse material seca sozinho, sem precisar do auxílio da cabine. O resultado é um pouco mais “grosseiro” que os demais, sendo um pouco mais difícil de se chegar ao resultado natural esperado.

  • Acrigel: as etapas das unhas de acrigel são as mesmas do método em gel, inclusive a secagem na cabine. Contudo, o pó acrílico é misturado no gel base e no gel de construção. Essa combinação, garante um resultado mais resistente e ajuda a fazer o produto não escorrer durante o procedimento.
  • Acrilfix/New York/Star Nails: essa opção é um pouco menos conhecida, e consiste em utilizar as tips e criar a extensão do alongamento com a mesma cola utilizada para fixar as tips. Essa cola é específica para unhas e não causa nenhum tipo de alergia.

    São feitas três camadas nas unhas, alternando cola com pó acrílico. O processo consiste em aplicar a cola nas unhas e, em seguida, colocá-las dentro do potinho com o pó acrílico, de forma que ele grude. Por fim, é uma camada de cobertura líquida de acrílico, para finalizar o alongamento. Neste processo, não é utilizada a cabine para a secagem. Esta técnica garante unhas mais finas que as demais opções.

Inspirações

Agora que já sabemos tudo sobre as técnicas de alongamento, que tal algumas inspirações? Já salve a sua preferida para levar na sua próxima ida ao salão! Confira a seguir:

Stiletto

As unhas stiletto são as famosas “garras”, com as pontas finas. Essa é uma das opções preferidas das famosas! O comprimento e a finura das pontas pode variar de acordo com a preferência da pessoa.

REPRODUÇÃO // Pinterest

Bailarina

A ponta da unha bailarina é reta, porém, mais estreita que a quadrada. O formato lembra muito as sapatilhas de ponta utilizadas pelas bailarinas, por isso o nome!

REPRODUÇÃO // Pinterest

Quadrada

As unhas quadradas são as mais populares entre as mulheres por serem super clássicas. A largura das unhas é o mesmo da raiz até as pontas.

REPRODUÇÃO // Pinterest

Oval

Este é um formato que estava sendo pouco usado, mas tem ganhado notoriedade ultimamente. É aquela famosa unha do tempo das avós, com formato mais amendoado e pontas arredondadas, um pouco mais finas que a base.

REPRODUÇÃO // Pinterest


E aí, já decidiu qual a sua favorita? Não precisa ter medo das unhas de gel ou de outros tipos de alongamentos. Contudo, é fundamental escolher um (a) profissional de confiança, ser cuidadosa (a) no dia a dia e fazer a manutenção no tempo correto recomendado. Se você gosta de conteúdo sobre unhas, continue acompanhando o Guia Make!