Skincare

Skincare: descubra o que é e como montar a sua rotina

Em um mundo em que a aparência reina, diariamente surgem novos procedimentos estéticos para alcançar um padrão de beleza, honestamente, inalcançável. As revistas, filmes, novelas e, principalmente, as redes sociais, exibem rostos perfeitos e harmonizados em nosso feed.

Contudo, é fundamental lembrar que cuidar de nossa mente e corpo, são atitudes essenciais de autocuidado. É desse cenário que faz parte o Skincare, também um pouco contaminado com o novo padrão de beleza.

No post de hoje, queremos desmistificar o Skincare, e lembrar que uma rotina de cuidados com a pele ajuda a manter a saúde da derme e também a autoestima. Além disso, acreditamos que é possível aproximar as pessoas desses cuidados, que não são exclusivos para um certo nicho de pessoas.

Qualquer um (a) pode criar e adaptar uma rotina de skincare de acordo com suas possibilidades, tempo, recursos, estilo de vida, etc. Cuidar da saúde da pele e tão importante quanto de qualquer outra parte do corpo. Continue a leitura para saber mais.

O que é Skincare?

O termo Skincare, em português significa “Cuidados com a pele”, que nada mais são do que uma série de cuidados diários com a pele. O foco principal é cuidar da pele do rosto e, segundo dermatologistas, estender esses cuidados com as mãos, pescoço e colo.

É claro que é fundamental cuidar da pele do corpo inteiro, limpar, hidratar e esfoliar esporadicamente. Contudo, os cuidados faciais são o foco principal, tendo em vista que é a parte do corpo mais exposta diariamente aos danos causados pelo sol, poluição, maquiagem, etc.

Sabemos que nem todo mundo tem acesso a profissionais da dermatologia para indicar a melhor rotina. Contudo, o ideal é sempre consultar uma pessoa especialista, que vai entender qual o seu tipo de pele e quais os produtos mais adequados para a sua rotina.

Vale lembrar que uma rotina de skincare não serve para todas as pessoas, pois ela é adaptada de acordo com o tipo de pele, idade, tratamento de fatores específicos como acne, manchas, etc.

Como fazer: Rotina de Skincare Passo a Passo

Como dissemos anteriormente, não há uma fórmula pronta de rotina de skincare. Isso porque cada pele e cada pessoa são únicas. Contudo, é possível determinar um passo a passo fundamental, do qual você pode inserir quantos ou quais passos quiser, partindo dos essenciais.

A seguir, mostramos um passo a passo de uma rotina de skincare completa, que pode servir de base para você montar a sua. Confira os principais passos:

Limpeza

Homem lavando o rosto (Lumin/Unsplash)

A limpeza é um dos passos mais importantes de uma rotina de cuidados faciais. Isso porque diariamente, a pele é exposta a danos causados pela poluição, produtos comedogênicos, que obstruem os poros e causam acne.

Por isso, é fundamental limpar a pele diariamente, de preferência duas vezes ao dia (manhã e noite). Essa limpeza deve ser feita com produtos específicos para o rosto e para o seu tipo de pele, que podem ser uma espuma ou gel de limpeza, sabonete líquido ou em barra, etc.

Se você for fazer a limpeza no rosto maquiado, é preciso antes utilizar um demaquilante, água micelar, cleansing oil ou balm demaquilante, para remover toda a maquiagem. Em seguida, pode fazer normalmente a limpeza com o produto da sua preferência.

Lembre-se de não usar água quente para lavar o rosto, pois ela pode ressecar a pele. O mais recomendado por dermatologistas é a água morna ou fria. Ao secar o rosto, evite esfregar a toalha, ao invés disso, prefira pressioná-la levemente.

Tonificação

A tonificação é um passo importante, contudo, não é necessariamente considerado indispensável, mas se puder, faça. Após lavar o rosto com seus produtos de limpeza, ainda assim, restam algumas impurezas mais profundas, que por vezes se acumulam nos poros.

Por isso, tonificar a pele ajuda a completar a limpeza e deixá-la com uma sensação de frescor. Além disso, o tônico tem a função de equilibrar o pH da derme e tratar alguns problemas, quando contêm ácidos em sua composição.

Esfoliação

A esfoliação é importante para ajudar a remover as células mortas, desobstruir os poros e promover a renovação celular. Essa etapa, pode ser feita de uma a duas vezes por semana, não mais do que isso, para não agredir a pele.

Os esfoliantes podem ser físicos, químicos ou enzimáticos. De forma bem resumida, os físicos são aqueles que contêm micropartículas que retiram as células mortas da pele através do atrito durante a esfoliação.

Já o químico, não contém essas partículas, mas sim, substâncias químicas como os Alfa-hidroxiácidos (AHA), que fazem com que as células mortas se desprendam da pele.

Por último, os esfoliantes enzimáticos, utilizam enzimas que de certa forma 'digerem' o acúmulo de células mortas da superfície da pele. Essas enzimas podem ser naturais (vindas da natureza) ou sintéticas.

Hidratação

Homem aplicando creme facial (The Creative Exchange/Unsplash)

Chegamos ao segundo passo mais importante de uma rotina de skincare. Todos os tipos de pele precisam de hidratação. Isso precisa ser reafirmado constantemente, pois ainda há pessoas que acreditam que a pele oleosa não precisa de hidratação.

A oleosidade não é um indício de hidratação, mas sim, de excesso de glândulas sebáceas na pele. O hidratante atua na reposição e retenção das moléculas de água na derme e epiderme, que são as camadas superficiais da pele.

Uma pele hidratada, além de ficar mais viçosa e bonita, também fica protegida contra as agressões externas, pois o hidratante reforça a barreira cutânea, que é uma espécia de película protetora.

Para essa etapa, é preciso considerar fatores como: idade, tipo de pele (sensível, seca, normal/mista ou oleosa) e problemas específicos. Até os 25 anos, ainda temos uma pele jovem, portanto, podemos utilizar um hidratante básico para manter a pele saudável.

A hidratação deve ser feita sempre após a limpeza e tonificação da pele, em média duas vezes ao dia. Para ajudar a absorver o produto, o ideal é aplicá-lo massageando a pele com delicadeza em movimentos ascendentes (de baixo para cima).

Tratamento

A partir dos 25 anos, vamos deixando de produzir os antioxidantes naturais, que são substâncias que protegem as células da oxidação, um processo que ocorre de forma natural e é agravado pelo excesso de medicamentos, alimentação inadequada, tabagismo, consumo de bebida alcoólica, exposição solar, etc.

Por isso, a partir dessa idade, o ideal é incluir na sua rotina de hidratação, produtos que possuem uma fórmula antioxidante. Além de hidratar, esses produtos vão ajudar a nossa pele a combater os radicais livres e os sinais do tempo.

Aqui entram também os tratamentos que contêm ácidos e ativos, que ajudam a tratar problemas de pele como: cicatrizes de acne, manchas, linhas finas, flacidez e vários outros. Esses produtos são conhecidos como dermocosméticos e são recomendados por dermatologistas, de acordo com a necessidade da sua pele.

A maioria dos dermocosméticos, por conter ácidos, devem ser utilizados na sua rotina da noite. Isso porque não é recomendado expor à pele ao sol enquanto se está usando algum tratamento, para não prejudicar a pele.

Proteção Solar

Podemos considerar a proteção solar o terceiro passo indispensável e fundamental de uma rotina de cuidados diários com a pele. Não adianta nada fazer uma rotina completa com ótimos produtos, se você não proteger a pele contra os raios solares.

Segundo especialistas, 85% do envelhecimento da pele é causado pela exposição ao sol, que tem um efeito cumulativo na pele e pode provocar alterações como manchas, sardas, linhas de expressão, entre outros.

Por isso, é importante fazer o uso diário do filtro solar, com fator de proteção (FPS) 30 ou mais, para se proteger de forma eficaz. Além disso, ele deve ter uma boa absorção dos raios UVA e UVB e ser resistente à água.

O produto deve ser aplicado antes da exposição ao sol, e reaplicado ao longo do dia, a cada duas horas, principalmente em situações de exposição direta ao sol, como praia, piscina, lugares ao ar livre, etc.

A quantidade ideal do produto a ser aplicado, é o equivalente a uma colher de chá rasa para o rosto, e três colheres de sopa para o corpo. Além disso, ele precisa ser espalhado uniformemente, para que nenhuma área fique desprotegida.

Produtos

Produtos de Skincare (Polina Tankilevitch/Pexels)

Depois de tantas explicações teóricas, resolvemos facilitar e separar os produtos que podem ser inseridos na sua rotina. É claro que você não precisa ter todos eles, mas é legal que conheça todas as possibilidades, e adapte conforme suas necessidades e possibilidades.

Limpador facial

Como já mencionamos, ele pode ser um sabonete em espuma, gel, óleo, creme ou barra. O tipo de produto vai depender da sua preferência e tipo de pele. Para as peles secas, o ideal é usar um limpador hidratante, já para as oleosas, os mais indicados são os limpadores em gel, que são livres de óleo.

Demaquilante

Alguns limpadores faciais já têm a função de demaquilar, contudo, é importante complementar essa limpeza com um produto específico. Você pode usar água micelar, demaquilante bifásico (ideal para remover maquiagem à prova d’água), cleansing oil (também é bom para demaquilar), ou qualquer outro tipo de que você se adapte melhor.

Esfoliante

É importante inserir um esfoliante na sua rotina, pois ele ajuda a renovar a sua pele. Existem no mercado diversos esfoliantes, com formulações para todos os tipos de pele.

Vale lembrar, que você também pode produzir seu próprio esfoliante caseiro, com ingredientes naturais como mel, açúcar, pó de café, entre outros. Esses ingredientes, são um pouco mais densos, portanto, é preciso maneirar nos movimentos de esfoliação para não agredir a pele.

Tônico facial

O tônico ajuda a complementar a limpeza e também serve como tratamento. Para escolher o produto ideal, é preciso identificar as necessidades da sua pele, que podem ser: minimizar os poros, reduzir a oleosidade, tratar manchas de acne ou outras, etc. De acordo com isso, você pode procurar a fórmula mais adequada.

Essência

Também conhecido como “essence”, esse produto, que é novidade no Brasil, faz parte da rotina de skincare coreana há muito tempo. Muita gente confunde com o tônico, mas a essência é um passo extra, que deve ser aplicado após o tônico, e antes dos hidratantes. Ele serve basicamente para preparar a pele para receber os produtos de tratamento. Além disso, ela já faz uma pré-hidratação e ajuda a tratar a pele.

Sérum

Ele atua como um hidratante profundo e um tratamento, porém, com uma textura mais líquida e leve.

O sérum é um produto tecnológico, que contém ativos potentes e eficazes de forma concentrada, que são facilmente absorvidos pela pele. O melhor de tudo, é que sua textura permite que ele seja usado por todos os tipos de pele, inclusive as oleosas.

Hidratante

Como dissemos no tópico de hidratação, é essencial ter ao menos um hidratante facial. Ele pode ser em creme, gel, sérum, óleo, ou qualquer outro tipo que você se adapte melhor. O mais importante, é que ele seja indicado para o seu tipo de pele.

Aqui também entram os tratamentos faciais, que são os cremes ou dermocosméticos com ativos como ácidos, vitaminas, e outros ingredientes que vão tratar a sua pele de fora para dentro.

Água Termal, Bruma ou Água de Beleza

A água termal é um passo extra que pode ser inserido na sua rotina de cuidados diários com a pele. Ela possui minerais em sua composição, que auxiliam a reposição dos sais minerais na pele, que são perdidos ao longo do dia.

Ela possui um pH que é compatível com o da nossa derme, ajudam a controlar irritações e processos inflamatórios. A água termal pode ser utilizada em todos os tipos de pele.

Além disso, ela possui ação antioxidante, calmante, refrescante e hidratante. Para inserir a água termal na sua rotina, você pode aplicá-la depois de limpar a pele, antes da hidratação, pode aplicar ao longo do dia para refrescar e hidratar, e também como pré-maquiagem.

Máscara Facial

Mulher com máscara facial (Burst/Pexels)

As máscaras faciais também são um passo extra que você pode incluir na sua rotina de skincare. Elas servem como um reforço extra na hidratação da pele. A máscara pode ser usada semanalmente, ou quando sentir a necessidade de uma hidratação mais profunda.

Existem diversos tipos de máscaras: sheet masks, peel off, máscara de enxágue, noturnas, etc (poderíamos fazer um post somente sobre elas). Verifique sempre a indicação da máscara (tipo de pele, propriedades, etc) e siga as instruções que você encontra na embalagem do produto.

Com todas essas informações, você já pode montar a sua rotina de cuidados faciais. Lembre-se que é possível fazer um skincare barato e que cabe no seu bolso. Você não precisa de produtos caros para cuidar da sua pele.

O mais importante, é se possível, consultar um (a) dermatologista, que irá identificar o seu tipo de pele e quais as necessidades dela. A partir disso, você já pode procurar os produtos que você realmente precisa e que são necessários para sua pele.

Também é válido lembrar, que uma rotina completa se constrói aos poucos. Você pode começar com os passos essenciais (limpeza, hidratação e proteção), e ir acrescentando outros passos e novos produtos.

Se você quer saber mais sobre skincare, cuidados pessoais, maquiagem e muito mais, continue acompanhando o Guia Make. Deixe nos comentários qual post você gostaria de ver por aqui.